A quem Deus estima

a quem deus estima

NÃO FORAM AS MINHAS MÃOS QUE FIZERAM TODAS ESSAS COISAS, E POR ISSO VIERAM A EXISTIR? PERGUNTA O SENHOR.  A ESTE ESTIMO: AO HUMILDE E CONTRITO DE ESPÍRITO, QUE TREME DIANTE DA MINHA PALAVRA.

Isaías 66.2

Deus concede sua misericórdia aos humildes, porém amaldiçoa os orgulhosos e os auto-suficientes (ver Lc 51-53). A nossa sociedade incita-nos à assertividade e à auto-afirmação. Não permita que a sua liberdade e o seu direito de escolha levem a sua vida para longe do caminho de Deus, que conduz à vida eterna.

(Bíblia de estudo aplicação pessoal)

Uma das boas coisas nesta vida, é poder sentir a estima de familiares e amigos em relação a nós. Aquele que não se sente amado pelos familiares e amigos, acaba se tornando um solitário, triste, abandonado e rejeitado.

Se é ótimo sermos estimados pelos homens, imagine estarmos sendo alvo da estima de Deus, daquele que é o criador de todas as coisas e Rei supremo do universo. É a glória!

Voltemo-nos para o texto bíblico e vejamos a quem Deus estima: “AO HUMILDE E CONTRITO DE ESPÍRITO, QUE TREME DIANTE DA MINHA PALAVRA”.

HUMILDE:

A humildade é preciosa aos olhos de Deus (1 Pe 3.4) – revela que mais graça será dada a quem a possuir (Sl 25.9 – Tg 4.6) – conserva a alma na tranqüilidade e contentamento (Sl 69.32,33), e gera a paciência e resignação nos momentos de grandes infelicidades (Jó 1.21). Jesus nos deu o grande exemplo de humildade (Fp 2.6 a 8). As maiores promessas de felicidade são feitas aos humildes (Sl 147.6 – is 57.15 – Mt 5.5 – 1 Pe 5.5).

(Bíblianet)

A gloriosa Palavra de Deus, não deixa nenhuma dúvida. Deus estima o humilde. A sua graça é derramada no coração daquele que não se julga  auto-suficiente, mais que coloca toda sua confiança no Deus Todo-poderoso. O humilde, sabe que depende inteiramente de Deus.

CONTRITO DE ESPÍRITO:

Para os humildes e arrependidos, o Senhor Deus tinha uma promessa graciosa: Ele, que habita no “alto e santo lugar”, habitaria pessoalmente “com o contrito e abatido de espírito”. “Contrito” refere-se a todo aquele que sente-se oprimido pelo pecado e que busca a libertação dessa escravidão.(ver Is 57.15)

(Bíblia de estudo pentecostal)

Quando reconhecemos a nossa miserável condição de pecador, arrependendo-nos dos nossos pecados, e deixando de lado os prazeres pecaminosos deste mundo, passamos a ser estimados por Deus.

PARA REFLETIR: Você se sente estimado por Deus?

Pr. João da Cruz Parente

PÁGINA INICIAL / ÍNDICE DAS MENSAGENS

Deixe seu comentário